Brigada prende um dos acusados de assalto e tiroteio

2
0
Compartilhar:

A Brigada Militar prendeu por volta do meio-dia desta sexta-feira, um dos suspeitos do assalto e tiroteio da noite da última quinta-feira.

Conforme a Brigada Militar, o suspeito estava pedindo carona na margem da rodovia, próximo das pontes sobre o rio Caí, na Bela Vista, perto de onde aconteceu a troca de tiros. Estava com muitos arranhões e marcas de picadas de mosquito, o que indicam que passou a noite no mato. Declarou que tinha sido assaltado e por isso estava sem documentos. Mas a Brigada já não tinha dúvidas de que era um dos dois envolvidos no roubo da caminhonete Fiat Toro em Portão e que após a perseguição acabou fugindo pelo mato. Ele foi encaminhado para a Delegacia para a lavratura do flagrante, sendo indiciado não só por assalto, mas também por tentativa de homicídio por ter atirado contra os PMs. Por sorte nenhum dos policiais ficou ferido. Ele e seu comparsa, que conseguiu fugir, seriam do Vale do Sinos, das cidades de Sapiranga e Novo Hamburgo.

Segundo a Brigada Militar, na noite de quinta-feira, por volta de 22h, dois indivíduos assaltaram uma residência em Portão, onde roubaram a caminhonete. Após fugiram pela RS 122, sendo acompanhados por duas viaturas da Brigada – uma de São Sebastião do Caí e outra de Bom Princípio. Próximo ao posto Bela Vista foi montada uma barreira. Ao avistarem as viaturas, os criminosos entraram na estrada ao lado da Construrohr e numa encruzilhada acabaram batendo o veículo em uma residência. Como vinha uma viatura logo atrás, houve a troca de tiros. Os assaltantes fugiram para o mato. A Brigada fez buscas durante a noite, mas os criminosos não foram mais localizados. Por volta do meio-dia  um dos suspeitos foi então localizado na margem da rodovia, também na Bela Vista.

Guilherme Baptista

Compartilhar: