Diocese da região tem novo bispo

174
0
Compartilhar:

Em setembro de 2008, quando chegou a Montenegro, Dom Paulo de Conto assumiu como primeiro bispo da Diocese do Vale do Caí. Em seu primeiro ato, anunciou que seria a Diocese da Alegria e que reabriria o Seminário São Maria Vianey de Bom Princípio. Passados 9 anos, Dom Paulo pediu sua renúncia como bispo Diocesano, como prevê o Código de Direito Canônico quando o bispo completa 75 anos. O aniversário de Dom Paulo foi na quinta-feira da semana passada, 12 de outubro, feriado de Nossa Senhora Aparecida. E na quarta-feira desta semana foi publicado no Jornal da Santa Sé que o Papa Francisco aceitou o pedido de renúncia.

Dom Paulo vai continuar atuando na Diocese do Vale do Caí, agora como bispo emérito. Ele vai auxiliar Dom Carlos Romulo Gonçalves e Silva, que já está faz quatro meses na região. Dom Carlos, de 48 anos, que estava como bispo coadjuntor, agora será o bispo diocesano da Diocese que abrange 30 paróquias, de 32 municípios. “Vou continuar como bispo e na região, disponível para a igreja. Estou muito feliz”, destacou Dom Paulo, que é natural de Encantado e é bispo faz 26 anos.

Uma missa especial, quando Dom Carlos deverá tomar posse, está prevista para 27 de outubro, sexta-feira da próxima semana, às 20h, na Catedral de Montenegro. Natural de Piratini, Dom Carlos veio da Arquidiocese de Pelotas. Ele agradeceu por ter ao seu lado Dom Paulo, que o acolheu com muito afeto. E também a acolhida que teve na região. “Estamos começando esta missão e feliz por Dom Paulo continuar conosco.  (GSB)

 

Guilherme Baptista

Compartilhar: