Egípcio que morreu em acidente com a família morava em Montenegro

130
0
Compartilhar:

 

 

O motorista egípcio que morreu em acidente no último domingo, junto com a esposa e dois filhos, em Bagé, tinha fortes ligações com Montenegro e a região.

O automóvel Toyota Corolla onde a família viajava tinha placas de Montenegro porque Eissa Soultan, de 43 anos, morou na cidade, onde trabalhou como supervisor da empresa JBS, antiga Frangosul. A primeira esposa e sua filha mais velha, de 8 anos, residem ainda em Montenegro. O motorista estava no carro com a segunda esposa e os filhos de 3 e 7 anos. Todos faleceram quando o carro saiu da pista e caiu numa ribanceira da margem da BR 153, próximo ao rio Camaquã.

O veículo e as vítimas só foram localizados na segunda-feira. O sepultamento ocorreu em Aceguá, para onde viajavam para visitar amigos da comunidade árabe.

Guilherme Baptista

Fotos: PRF e Facebook

Compartilhar: