Homem que esfaqueou a ex-mulher tinha abusado da enteada

217
0
Compartilhar:

O homem preso por dar três facadas na ex-mulher em Harmonia no último sábado já tinha sido denunciado por tentar estuprar a ex-enteada. O abuso teria ocorrido quando a família morava em São José do Hortêncio, cerca de 5 anos atrás, e a enteada tinha 13 anos de idade. Hoje com 17 anos, a adolescente confirma a tentativa de estupro. Conforme a denúncia, ele teria tentado tirar a roupa dela quando a enteada dormia com uma amiga após voltarem de uma festa. Na época a mãe decidiu se separar do acusado, mas os dois acabaram retomando o relacionamento. Mas a filha se afastou e saiu de casa. Dois meses atrás, ele teria manifestado a intenção de manter relações com uma sobrinha da companheira, foi quando houve desentendimento e as duas mulheres acabaram sendo agredidas com socos e tapas. A companheira decidiu se separar, saindo de casa em Montenegro e indo morar com a sobrinha em Harmonia. Levou junto o filho do casal, de 11 anos.

A mulher, de 39 anos, denunciou as ameaças para a Polícia, informando que Elizandro Carvalho dos Santos, 34 anos, não aceitava o fim do relacionamento. Os dois ficaram juntos por quase 15 anos, mas ultimamente ele teria se tornado violento, principalmente quando bebia nos finais de semana, inclusive chegando a lhe agredir. Um mês atrás ele foi atrás dela em Harmonia, fazendo ameaças de morte, quando chegou a ser preso, mas ganhou liberdade provisória.

Mesmo com medidas protetivas, onde ele não poderia se aproximar, o homem foi novamente atrás da mulher em Harmonia na manhã do último sábado.  Ela se refugiou no banheiro da casa da sobrinha, mas ele quebrou a porta e diante do filho do casal a atingiu com facadas no pescoço, mão e braço. O filho teria pedido para o pai parar de agredir a mãe e depois foi em busca de socorro nos vizinhos, que chamaram a Brigada Militar. A mulher foi levada para o Hospital do Caí e devido a gravidade foi removida para a UTI do Pronto Socorro de Porto Alegre. Está melhorando, mas seu estado ainda é grave.

O homem, na fuga, colidiu seu Escort com uma Kia Sportage, também de Montenegro, onde estava uma família com quatro pessoas que ficaram feridas. Elas foram encaminhadas ao hospital Sagrada Família do Caí, sendo que uma mulher e um bebê de um ano e 8 meses foram removidos para o Hospital Montenegro. O bebê chegou a ter um traumatismo craniano leve. Todos já tiveram alta dos hospitais. O acidente foi na RS 124, perto das pontes da divisa de Harmonia com Caí e Pareci Novo. Elizandro ficou preso nas ferragens e após ser retirado pelos bombeiros foi medicado na UPA de Bom Princípio. Depois foi encaminhado para a DPPA de Montenegro. Segundo o delegado Paulo Costa, ele foi indiciado por tentativa de homicídio no caso das facadas na ex-esposa e por lesões corporais culposa por ter provocado o acidente. Tem ainda o agravante que o bafômetro apontou 0,27 mg/l, ou seja, estaria dirigindo embriagado. Não tinha condições de dar depoimento e foi recolhido para a Penitenciária Estadual de Montenegro.

Guilherme Baptista

Foto: Facebook

Compartilhar: