Pais dos adolescentes que fizeram pichações terão que pagar por estragos

163
0
Compartilhar:

Através de imagens de câmeras de vídeo a Polícia identificou os adolescentes que picharam veículos, prédios e espaços públicos de Bom Princípio no feriado de quinta-feira da semana passada, dia de finados. Um ônibus e um carro, além de muros, prédios, academia de saúde do Parque Municipal e o busto e o Memorial do cardeal Dom Vicente Scherer foram alvos dos pichadores, causando grande revolta da comunidade e muitos prejuízos. Até mesmo palavras e desenhos obscenos foram pichados. Recém tinha sido feito um novo busto, já que o antigo também foi depredado.

Conforme a Polícia, os autores seriam adolescentes entre 15 e 16 anos, identificados através do videomonitoramento. O grupo de cinco adolescentes estaria na praça bebendo quando decidiu praticar os atos de vandalismo, sendo que apenas um não concordou e decidiu ir embora. Alguns dos pichadores inclusive chegaram a utilizar máscaras para encobrir o rosto. Como tem menos de 18 anos, foram qualificados como menores infratores, não podendo ter seus nomes divulgados.

O delegado Marcos Eduardo Pepe diz que como são menores, os acusados irão responder por seus atos junto ao Juizado da Infância e da Juventude, com base no Estatuto da Criança e do Adolescente.”Devem ser punidos com medidas sócio-educativas”, diz. Como os pais são responsáveis pelos atos dos filhos menores de 18 anos, devem arcar com os danos cometidos. “Devem pagar todos os prejuízos que as pessoas e o município tiveram com as pichações”, declara o delegado. Conforme o delegado Pepe, já foi feita uma mediação onde foi feito contato com as vítimas. “Eles ficaram de limpar e onde não for possível vão pintar e arcar com os danos, atenuando os prejuízos”, conclui.

Guilherme Baptista

Crédito da foto: Camila Tempas/Prefeitura e Facebook

Compartilhar: